Cinema Archive

O OSCAR DE MELHOR ATOR TEM QUE SER DE PHOENIX

Por Airton Gontow Com a Lua bela, mágica, magnética e falsa de “E La Nova Va” (1983), Federico Fellini mostra, mais uma vez, que cinema é arte, não é uma cópia da realidade. Um ator não precisa perder uma enormidade de quilos para interpretar

“Interestelar” dá continuidade ao ciclo de filmes #CineCiência, no MIS

 Após a exibição, o multicultural José Luiz Goldfarb, coordenador da #RedeMIS, falará sobre o filme e debaterá com o público. O evento está marcado para hoje, domingo, 25 de outubro, das 16h às 20h, com entrada franca.   Dentro do Núcleo de Redes Sociais