Giro de Notícias

ARREBENTARAM COM NEYMAR NA HORA EM QUE ELE IRIA ARREBENTAR

0Shares

por Airton Gontow

 

Todo mundo lembra da genialidade do Maradona na Copa de 86.

 

Mas poucos recordam que ele “só” fez dois grandes jogos: contra a Inglaterra e Bélgica, com seus gols espetaculares, além de ter participado do último gol da Argentina na final contra os alemães.

Claro que agora entro no campo das especulações, mas tenho a “certeza” que Neymar arrebentaria nos dois jogos finais.

O guri jogou amarrado durante toda a Copa. Precisou jogar com a cabeça para não receber um segundo cartão amarelo. E conseguiu, com incrível maturidade para seus apenas 22 anos.

Com a ameaça da desclassificação de um jogo importante, até mesmo para o drible a atuação é prejudicada.

– Não dá para entrar na dividida com o pé levemente levantado;
– Não dá para abrir os cotovelos para proteger-se de um beque que chega por trás;

 

–  Dá medo de abrir os braços para buscar o equilíbrio ou para impedir a chegada do adversário e sem querer tocar-lhe o rosto…

Era a hora da liberdade para Neymar.

 

A hora de se soltar.

 

A hora do craque.

 

A hora de ser o melhor da Copa!

 

Mas foi era a vez e a hora da violência.

 

Arrebentaram com Neymar na hora em que ele tinha tudo para arrebentar!!

 

– Poxa, que pena Neymar, que pena!

Últimos posts por Redacao (exibir todos)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *