Giro de Notícias

Feijoada com Samba do Grazie a Dio tem Trio Preto em todos os sábados de fevereiro

0Shares

A Trio Preto se apresenta na casa nos dias 1, 8, 15 e 22 de fevereiro, na “Feijoada com Samba”, sempre subindo ao palco duas vezes, a primeira delas às 14h30.

São Paulo – Depois de lançar sua Feijoada com Samba com um show do mestre Monarco da Portela, no último sábado, 25 de janeiro, o aniversário de São Paulo, o Grazie a Dio (rua Girassol, 67 – Tel: 3031-6568), um dos bares e restaurantes mais conceituados e tradicionais da Vila Madalena, apresenta a banda Trio Preto, todos os sábados de fevereiro (1, 8, 15 e 22) na Feijoada com Samba.  A casa abre às 12h e a música começa às 13h30. A Trio Preto faz duas apresentações de 1h15, a primeira delas a partir das 14h30.  Informações e reservas no telefone 3031-6568. A feijoada, que é servida até às 17h, chega à mesa em cumbucas e tem carne seca, costelinha, linguiça e paio, além de mandioca frita, linguiça frita, torresmo, bisteca, banana à milanesa, farofa, laranja, bacon frito em tiras, caldinho de feijão, arroz e couve.  A música à tarde de sábados vai até as 18h. Os preços da feijoada são os seguintes: Homem – feijoada mais couvert artístico por R$ 65,00; só entrada, por R$ 40,00; e só feijoada; por R$ 40,00; Mulher – feijoada mais couvert artístico por R$ 55,00; só entrada, por R$ 30,00; e só feijoada, por R$ 30,00.

Sobre o Trio Preto

O cavaquinho anda sempre afinado. O tantã, pandeiro e tamborim o tempo todo no compasso e tudo sempre pronto para se fazer um samba de primeira. Assim é o dia a dia do Trio Preto que anima a todos por onde passa. Afinal, os versos da canção “Batucada Quente” – Trilha sonora da novela Salve Jorge e que abre o disco Trio Preto – servem para sintetizar o estilo dessa banda formada.

Hoje, à frente do grupo estão Adilson Didão, Miudinho e Nene Brown: “O som é diferente, a batucada é quente… O nosso som tem um porém. Fazer feliz, mudar alguém”, diz Adilson Didão.

O grupo conta com padrinhos de luxo como Seu Jorge, Zeca Pagodinho, Leci Brandão e Caetano Veloso, que acompanham e admiram a musicalidade da banda. “Que disco! Samba, pegada, ritmo quente. A turma é muito boa! Sou suspeito para falar, já que faço parte desse momento deles, mas esses músicos me dão muita alegria”, afirma Seu Jorge ao definir o Trio Preto e o primeiro disco.

Foi em turnê pela Europa, como músicos de Seu Jorge, que surgiu o grupo. Pretinho, Brown e Miudinho faziam um número com pandeiros e cuíca. Nas apresentações, era notório que o swing, simpatia e sincronia dos três chamavam a atenção das plateias pelos lugares que passavam. “Daí, o produtor francês Jerrome Pijon decidiu que nós precisávamos de um nome e nos chamou de Trio Preto”, contam os integrantes do grupo.

Na França – depois de fazerem no Brasil muitos sambas nas comunidades e paradinhas nas baterias do Império Serrano e Caprichosos de Pilares – foi no Favela Chic (famoso point em Paris) que Pretinho, Brown e Miudinho se tornaram o Trio Preto. Na volta ao Brasil, resolveram fazer um CD.  Foi neste momento que Didão se juntou ao grupo.

No repertorio dos shows, canções inéditas do disco como “Batucada Quente”, “Preto do Beco” e a divertida “Sábado e Domingo”, além de músicas de Dona Ivone Lara, Nando Reis, Chico Buarque, Zeca Pagodinho, Almir Guineto, Fundo de Quintal, entre outros…

Opiniões de sambistas sobre a Trio Preto:

 

“É um exemplo de luta, jovens dedicados, que tocam bem e são profissionais.” – Zeca Pagodinho

 “E esse Trio Preto? Que pancada, hein? É meio samba-rock; e o samba deles atinge do gueto à classe-média alta.” – Nei Lopes

 “Deus decidiu que é a hora do samba ser protagonista do mercado musical brasileiro. O Trio Preto sempre foi coadjuvante de luxo de vários artistas destepaís. O samba agradece.”  – Leci Brandão

 “Essa rapaziada é formidável. O CD que gravaram é muito bom de repertório, de percussão impecável e produção perfeita. Excelentes percussionistas e compositores, fina flor do samba de hoje.” – Rildo Hora

Grazie a Dio –  rua Girassol, 67,  Vila Madalena, São Paulo, Telefone: (11) 3031-6568  Site: www.grazieadio.com.br  – Facebook: https://www.facebook.com/GrazieADioSPHorário de funcionamento: de terça a sexta-feira das 20h até o último cliente; aos sábados das 12h até o último cliente; e aos  domingos, das 18h até o último cliente; Horário de funcionamento da cozinha:  de terça a sexta-feira, das 20h às 2h30; aos sábados, das 12h às 2h30; e aos domingos das 18h à meia-noite. Aos sábados, feijoada a partir das 12h, com os seguintes preços: Homem – feijoada mais couvert artístico por R$ 65,00; só entrada, por R$ 40,00; e só feijoada; por R$ 40,00; Mulher – feijoada mais couvert artístico por R$ 55,00; só entrada, por R$ 30,00; e só feijoada, por R$ 30,00. Couvert Artístico: às quintas-feiras, sextas-feiras e sábados, R$ 30,00 ou R$ 60,00 (consumíveis incluindo couvert artístico); Também há a Lista Amiga às quintas-feiras. Enviando o nome para o e-mail  lista@grazieadio.com.br,  até às 17h, o preço de entrada é de R$ 20,00 para homens e R$ 15,00 para as mulheres. A lista válida até o início do show. Aos domingos, o preço depende da programação.  Cerveja: Long neck Bohemia, Budweiser, Heineken e Stella Artois (355 ml): R$ 8,50; Mojito (Rum, hortelã, limão, açúcar e club soda – R$ 19,00) e Grazie a Dio (Vodka, licor chocolate, suco de abacaxi e leite condensado – R$ 18,00). Whisky:  Garrafa de Red Label, R$ 250,00 (dose: R$ 18,00);Garrafa de Black Label, R$ 280,00 (dose: R$ 21,50). Cachaça Busca Vida, Garrafa: R$ 120,00 (dose: R$ 13,00); Água: R$ 4,00; Café expresso: R$ 3,80; Cartões de Crédito:  Todos. Cartões de débito: todos; Aceita cheque: não; Ar-condicionado: Sim; Acesso para deficientes: Sim; Banheiro adaptado para deficientes: sim; Som Dolby Estéreo: Não; Som digital: Sim; Tem área para fumante: Sim; Aceita reserva: Sim; Wifi: sim; Estacionamento: Tem um ao lado, mas sem vínculo com a casa.

*A casa não aceita Visa Vale nem Ticket Refeição.

Últimos posts por Redacao (exibir todos)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *